MOSAICOS! ORIGINAL CONTEÚDO

  • Obras da Estrada Boiadeira já ultrapassam 30% da execução

 

BRASÍLIA CAPITAL DO BRASIL É NOME DE AVENIDA DE MEDIANEIRA

A fundação de Brasília deu-se em 21 de abril de 1960 e Medianeira emancipada em 25 de julho de 1961. A denominação Avenida Brasília de Medianeira homenageou a capital do Brasil, idealizada pelo presidente Juscelino Kubitschek. Nome sugerido pelo então prefeito Intendente Provisório José Della Pasqua (que exerceu o cargo de 19/08/1960 a 31/01/1961 até ocorrer o primeiro pleito municipal). Também em sua gestão foram oficializadas as Avenidas Pedro Soccol e José Callegari.

Brasília completou 62 anos em 21 de abril. Estimada como terceira cidade mais populosa do país, ultrapassando 2.500.000 habitantes.  Brasília foi planejada, desenvolvida pelos arquitetos Lúcio Costa, Oscar Niemayer e Joaquim Cardoso em 1956 que transferiu a capital do Rio de Janeiro para área central do país, considerada ícone do modernismo no Brasil com suas estruturas notáveis.  Os poderes estão lá centralizados executivo, legislativo e judiciário, também abriga 124 embaixadas estrangeiras. Tem alta qualidade de vida, os cidadãos vivem em áreas arborizadas com estrutura de esporte e lazer, cercado por pequenos espaços comerciais, livrarias e cafés.

Medianeira vai completar 59 anos em 25 de julho. Conta com cerca de 50.000 habitantes. A Avenida Brasília foi modernizada na gestão do prefeito Elias Carrer. E para promover o desenvolvimento em todo o percurso da avenida, a via passou pela Praça Ângelo Darolt na gestão de Luiz Yoshio Suzuke. Do Viaduto Vitor Hugo Heinzmann (construído na gestão de Adolpho Mariano da Costa) até a Praça Ângelo Darolt e ruas transversais, se localiza o centro comercial, de prestação de serviço e bancário da cidade. Nesse percurso, os terrenos e aluguéis são os mais caros da área urbana, o que forçou investimentos em outras ruas e avenidas (inclusive na continuidade da Av. Brasília direção Bairro Condá), ofertando assim mais opções para o setor terciário.

Os Guerreiros na Praça dos Três Poderes. Obra popularmente conhecida como Os Candangos em homenagem aos trabalhadores que construíram Brasília. Passou a ser símbolo da cidade-obra do escultor Bruno Giorgi. (Foto: Divulgação)

Avenida Brasília até a Praça Ângelo Darolt é um dos cartões postais da cidade. Suas palmeiras imperiais acenam os sonhos e a luta de sua gente pró- grandeza do município.(Foto: Arquivo Jornal Mensageiro/Revista Mosaicos)